Folha de S. Paulo


De virada, Bayern vence City e conquista a Copa Audi

O Bayern de Munique conquistou o título da Copa Audi após vencer o Manchester City por 2 a 1, na Allianz Arena.

A equipe do técnico Pep Guardiola saiu atrás no placar após gol de Negredo, mas recuperou-se e marcou com Müller e Mandzukic.

O time de Robben e Ribéry conquistou na última temporada a Copa dos Campeões, a Copa da Alemanha e o Campeonato Alemão. Nesta nova temporada, o clube havia vencido a Copa Telekom no último dia 21, após golear o Borussia Monchengladbach por 5 a 1, em um torneio que também participaram o Hamburgo e o Borussia Dortmund.

Porém, no sábado, perdeu a Supercopa da Alemanha para o Borussia Dortmund por 4 a 2, na primeira decisão de um torneio oficial sob o comando de Pep Guardiola.

Christof Stache/AFP
O técnico Pep Guardiola, do Bayern de Munique, durante partida da Copa Audi contra o Manchester City
O técnico Pep Guardiola, do Bayern de Munique, durante partida da Copa Audi contra o Manchester City

O Bayern dominou todo o primeiro tempo e tentou passar por um adversário que fechou espaços. Na segunda etapa, diminuiu o ritmo em alguns momentos e levou o gol, conseguindo logo depois reagir e virar.

O Manchester City, que jogou com alguns reservas, ainda teve uma oportunidade de empatar no final de jogo com Dzeko e o goleiro Neuer salvou seu grupo.

As equipes continuam em preparação para os torneios nacionais da temporada 2013/2014. O Campeonato Alemão começa no próximo dia 9, enquanto que o Inglês inicia no dia 17.

Matthias Schrader/Associated Press
Jogadores do Bayern de Munique posam para foto com o troféu da Copa Audi
Jogadores do Bayern de Munique posam para foto com o troféu da Copa Audi

O JOGO

Pep Guardiola escalou o Bayern de Munique com força máxima para conquistar o título da Copa Audi. Já o Manchester City entrou em campo mesclando titulares e reservas.

Assim como na semifinal contra o São Paulo, o time alemão teve grande domínio no primeiro tempo. A posse de bola, até a metade da etapa, era de 72% contra 28% do City.

Ribéry foi bastante marcado pela esquerda, já que foi quem criou mais oportunidades no ataque por aquele setor.

Aos 28min, Schweinsteiger chutou forte de fora da área e Pantilimon fez boa defesa.

Fechado, o Manchester City pouco atacou, mas quando chegou à área adversária, levou perigo. Aos 31min, Jovetic fez jogada individual e arriscou para o gol. A bola foi para fora.

Aos 43min, outra chance para o time inglês. Nasri cruzou pela esquerda e Negredo cabeceou para a linha de fundo.

O Bayern não conseguiu abrir o placar apesar da maior posse de bola. Foram alguns erros de passes, além da defesa do City que fechou espaços.

No segundo tempo, a equipe inglesa esteve melhor nos minutos iniciais. Assustou Neuer por pelo menos duas vezes e abriu o placar.

Aos 15min, Nasri fez belo lançamento para Negredo, que partiu em jogada individual, ganhou de Martínez e mandou para o fundo das redes.

Atrás no placar, o Bayern começou a reação. Voltou a jogar melhor e aos 20min chegou ao empate. O árbitro Wolfgang Stark marcou o toque de mão de Zabaleta dentro da área. Na cobrança do pênalti, Müller deixou tudo igual.

A virada ocorreu aos 26min. Müller cruzou pela direita e Mandzukic mergulhou para anotar o segundo gol.

O Bayern teve sete alterações na sua equipe e o City mexeu três vezes.

Após virar o jogo, o time alemão voltou a ter mais posse de bola e os ingleses se fecharam, tentando marcar a saída de bola.

Mandzukic ainda teve uma boa oportunidade aos 35min, num chute de voleio após domínio no peito.

O City perdeu grande chance de empatar aos 43min. Dzeko recebeu de frente para o gol, mas parou em Neuer.


Endereço da página:

Links no texto: