Datafolha


Estável, Moro é aprovado por 51% dos brasileiros

Opinião Pública -

O índice de aprovação ao desempenho do ministro Sérgio Moro oscilou de 52% para 51% entre julho e agosto, com manutenção do nível de conhecimento de seu nome (94% dizem conhecê-lo em algum nível). Para 19%, o ex-juiz faz um trabalho ruim ou péssimo, ou seja, reprovam-no, e para 22% ele é regular. A taxa de reprovação ao desempenho de Moro é mais alta entre os mais escolarizados (24%) do que entre aqueles que estudaram até o ensino fundamental (18%) ou médio (18%). Na parcela da população que aprova o governo Bolsonaro, 85% também aprovam Moro.

Entre aqueles que consideram a gestão do presidente regular, o índice de aprovação ao ex-juiz da Lava-Jato cai para 54%, ainda acima da média, e fica em 23% na faixa dos que reprovam o desempenho de Bolsonaro.

Ministro da Economia, Paulo Guedes é conhecido por 81% dos brasileiros, e 31% aprovam seu desempenho, ante 18% que reprovam. Seu colega do Meio Ambiente, Ricardo Salles, conhecido hoje por 52% (eram 42% no início de julho), tem seu trabalho visto como ótimo ou bom por 16% (ante 14% na pesquisa anterior) e como ruim ou péssimo por 17% (eram 9% em julho). Entre os mais escolarizados, Salles é mais conhecido (71%) e sua reprovação (35%) é o dobro da aprovação (18%).

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, é conhecido por 31%, aprovado por 9%, e reprovado por 10%, no mesmo patamar de avaliação e conhecimento da pesquisa de julho. Também foi avaliado, pela primeira vez, o nome do ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, cuja taxa de conhecimento junto à população ficou em 37%, com taxa de aprovação (13%) superior à reprovação (5%), e 16% de avaliação regular.

Baixa a pesquisa completa


Endereço da página:

Links no texto: