Datafolha


Camilo e Eunicio estão tecnicamente empatados no Ceará

Eleições -

Primeira pesquisa Datafolha realizada após o primeiro turno, com eleitores do Estado Ceará, mostra disputa acirrada para o governo estadual. Camilo (PT) tem 45% do total de votos, contra 40% de Eunício (PMDB). Ambos estão tecnicamente empatados, porém, com maior probabilidade do candidato do PT estar à frente. Brancos ou nulos alcançam 6% e indecisos 9%.

Considerando apenas os votos válidos, Camilo tem 53% e Eunício, 47%. Para calcular esses votos, são excluídos da amostra os votos brancos, os nulos e os eleitores que se declaram indecisos. O procedimento é o mesmo utilizado pela Justiça Eleitoral para divulgar o resultado oficial da eleição.

No primeiro turno da eleição, Camilo superou Eunício por uma diferença de apenas um ponto: 47,81% a 46,41%.

Nesse levantamento realizado no dia 15 de outubro de 2014, o Datafolha entrevistou 1.293 eleitores em 52 municípios do Estado do Ceará. A margem de erro máxima é de 3 pontos percentuais, para mais ou para menos, para o total da amostra.

Dos eleitores cearenses que pretendem votar em algum candidato ou anular, 82% dos eleitores informaram corretamente o número de seu candidato, 3% informaram incorretamente, 13% não souberam informar o número e 2%, não souberam como anular o voto.

A taxa de conhecimento do número do candidato na urna é mais alta entre os eleitores de Camilo do que a entre os eleitores de Eunício. Entre os eleitores do petista, 88% informaram corretamente o número do candidato, 2% informaram incorretamente e 10% não souberam declarar o número. Já, entre os eleitores do peemedebista, essas taxas são, respectivamente, 78%, 5% e 16%.

A taxa de rejeição dos candidatos é próxima. Não votariam de jeito nenhum em Camilo 37%, votariam com certeza 43%, talvez votassem 17% e não souberam responder, 3%. Já, 35% não votariam de jeito nenhum em Eunício, 39% votariam com certeza, 22% talvez o fizessem e 4% não souberam responder.

A maioria dos eleitores cearenses (68%) declarou ter decidido o seu voto na eleição do 1º turno pelo menos um mês antes da eleição. Uma parcela de 10% declarou ter decidido o voto quinze dias antes do pleito, 7% uma semana antes, 6% na véspera e 10%, no dia da eleição. Entre os eleitores de Camilo no primeiro turno, 10% decidiram o voto na véspera ou no dia da eleição, enquanto, entre os eleitores de Eunício essa taxa chega a 11%.

aprovação ao governo Cid Gomes fica estável

Após sete anos e nove meses à frente do governo do estado do Ceará, a administração Cid Gomes é aprovada por 47% - índice próximo ao observado no levantamento anterior (era 43%). Para 34%, o governo de Gomes é regular (era 37%), para 15% é ruim ou péssimo (mesma taxa anterior) e 4% não souberam avaliar.

No período, a nota média do governo estadual cresceu de 6,4 para 6,6.

BAIXE OS DADOS DESTA PESQUISA


Endereço da página:

Links no texto: